Aquisições MAC

por Naiara

Como já comentei em algum post passado, o bom dos Estaduzunido é ir na loja e experimentar todos os produtos que quiser. Já testei tudo quanto é base – Make Up Forever, Illamasqua, Chanel, Dior e Lancôme. Problema é que essas bases SÃO CARAS. Isso mesmo, acreditem se quiser, dessas maquiagens ‘high end’, a mais barata ainda é a MAC. Fiquei passada no momento que me toquei disso.

Bom, eu sempre ouvia falar muito da Face and Body, e um dia até experimentei e achei horrível – parecia uma água suja e eu nunca entendia a utilidade de se usar uma base que não cobre nada. Bem… acontece que quando sua pele dá uma melhorada você realmente não quer usar litros de reboco ou essas bases pesadas. Resolvi dar uma segunda chance e experimentar de novo. E não é que ela é ótima mesmo? Afinal ela tem certa cobertura sim, e você pode ir construindo camadas conforme a necessidade. Essa base é a base d’água (OI?), então a duração dela é muito boa, pois é leve e gruda na sua cara. Eu achei o equilíbrio perfeito usando ela e o corretivo Studio Finish nas áreas mais problemáticas. Fora o tubão né – vou levar 2 vidas pra usar tudo.

Eu aplico com a mão mesmo, mas só porque por enquanto não tenho um duofiber em mãos, se não usaria este pincel. Ela é bem aguada sim, acho difícil usar com pincel de base tradicional. O acabamento é bem natural.

Mas tem dias que você quer um look mais glamour e procura um pouco mais de cobertura. Senti falta daquela pele porcelana, e foi aí que me encantei com a Studio Sculpt. Eu já tinha experimentado a Studio Fix Fluid, e ela é realmente ótima, mas dá espinha :((( e não sou só eu, já ouvi falar de muita gente que sofreu do mesmo problema. Por outro lado, tem pessoas que amam. Não tem como saber o que é melhor pra você se tu não experimentar.

A Studio Sculpt, segundo a mulher maquiadora, é uma base em gel. Um pouquinho espalha MUITO, então já tô vendo que vai durar uma cara esse tubo também. Ela tem uma boa cobertura e o acabamento é meio acetinado… não, não sei explicar o acabamento, mas definitivamente não é matte como a Fluid, mas também não é tão molhada como a Face and Body. Eu gostei da base, também gosto dos preços das bases MAC, mas não posso falar com propriedade sobre a duração dela, pois não tive chance ainda de pôr a bendita a prova.

E por fim… o corretivo da nova linha Pro Longwear. Uso todo dia meu Studio Finish, sinceramente estou impressionada pois tenho ele há mais de 1 ano e o fundo ainda não apareceu. A cobertura dele é ótima e é fácil de passar e tudo mais. Mas tem uma coisa que me irrita: ele acumula muito nas dobras do meu olho gordo. E aí que tava todo mundo falando horrores do Pro Longwear Concealer: dura a vida inteira até que você lave o rosto e rende muito. Bem, é verdade mesmo: o troço parece ser a prova d’água. Aí não deu né, tive que adquirir – devo voltar a falar do preço? Acho que tá uns $15. O único problema é a válvula, sai muuuuuito produto, e eu bem que tento ser delicada, mas não adianta, um pump dá pra quase a cara inteira. A cobertura não é tão intensa quanto a do Studio Finish, mas considerando a duração acho que é um ótimo produto.

Sou muito tosca hein, só faço resenha de produto bom huahua.

 

Anúncios